Penas para procuradores que atrasem processos sem razão


A proposta do governo que hoje começa a ser discutida como Sindicato dos Magistrados do Ministério Público (SMMP) abre caminho, pela primeira vez, a penas para os procuradores que, de forma reiterada e injustificada, se atrasem a despachar processos.

TSF / NOTICIÁRIOS – MEIA HORA – 16/06/2017