CORREIO MANHÃ  | 13-01-2019
 
 
“FOI DECIDIDO MARCAR TRÊS DIAS DE GREVE”  
 
QCM: O que foi decidido na assembleia de delegados do Sindicato dos Magistrados do Ministério Público (SMMP)?  
 
António Ventinhas- Foi decidido marcar três dias de greve em fevereiro. O dia 25 de fevereiro será uma greve geral para todos os magistrados do Ministério Público, nos dias 26 e 27 a greve será por distritos judiciais. O distrito judicial do Porto e o de Coimbra fazem greve no dia 26, no dia seguinte é a vez dos distritos judiciais de Lisboa e de Évora.  
 
– O que está em causa?  
 
– Há um descontentamento quanto à revisão do estatuto do Ministério Público, que se encontra na Assembleia da República.  
 
É uma proposta de lei imperfeita. Estamos também preocupados com matérias relacionadas com questões disciplinares e de carreira. E também com a autonomia do Conselho Superior de Magistratura.  
 
– Foi abordada a questão do fundo de greve?  
 
-Essa questão do fundo de greve será discutida na reunião de dia 26 deste mês, em que também vão ser definidas novas formas de luta. • S.T.  

Partilhar

Relacionados