Tem vindo a Direcção do SMMP a ser solicitada para se pronunciar sobre as recentes declarações do Dr. Marinho Pinto sobre os magistrados e o sindicalismo judiciário.

Fosse outro o autor de tais palavras e a Direcção do SMMP tomá-las-ia, por certo, em consideração.

A Direcção do SMMP, contudo, já há muito que não atribui qualquer relevância aos comportamentos, atitudes e palavras do Dr. Marinho Pinto, que não confunde com as posições da advocacia portuguesa.

As atitudes do Dr. Marinho são um problema que cabe à Ordem dos Advogados e aos seus organismos resolver, a bem do prestígio da própria advocacia.

A Direcção do SMMP não pretende de modo algum contribuir para o sistemático ruído mediático introduzido pelo Dr. Marinho Pinto no mundo judiciário a propósito de tudo e coisa nenhuma.

Não se pretende, com efeito, distrair e perturbar a opinião pública com «irrelevâncias mediáticas», quando estão, neste momento, em causa reformas e medidas significativas para a actividade dos tribunais, de todos os profissionais do foro e, mais importante ainda, dos cidadãos.

A Direcção do SMMP aproveita a ocasião para agradecer a todos os ilustres advogados que se lhe têm dirigido manifestando o seu repúdio por tais declarações.

Lx. 10/7/2008
A Direcção do SMMP